facebook rss

“Nadir Afonso — Chaves para uma Obra”

“Nadir Afonso — Chaves para uma Obra” é uma exposição alusiva a 35 dos 70 anos de trabalho do pintor.

A exposição inicia com as primeiras telas pintadas por Nadir Afonso a partir dos 15 anos, onde são retratados rostos de familiares e elementos da cidade de Chaves, sua terra natal.

Segue-se a fase modernista inicial, o surrealismo, desenvolvendo obras abstractas de vanguarda internacional.

Do surrealismo, Nadir Afonso parte para uma abstracção mais geométrica seguindo-se o Período Barroco e Egípcio.

Na fase dos “Espacillimité”, momento chave da sua obra, onde introduziu elementos cinéticos nos seus trabalhos, através da criação de uma máquina que permite que uma pintura rode sobre si mesma como se fosse um filme.

A última parte da exposição incide sobre o tema cidades, imagens idealizadas das cidades, e evocações de cidades.